Av. Bias Fortes, 247 - Lourdes - Belo Horizonte - MG Tel.: 31 3292.7172
Bruxismo Infantil

Bruxismo infantil

[vc_row][vc_column][vc_column_text]O hábito de ranger ou apertar os dentes durante o sono, conhecido como bruxismo, também pode afetar as crianças. Em alguns casos o atrito pode ser tão forte que os pais ouvem o ruído dos dentes se chocando uns contra os outros, o que certamente causa muita apreensão.[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_column_text]

O que é o bruxismo infantil?

O bruxismo infantil é uma atividade da musculatura mastigatória (ATM) caracterizada por ranger e/ou apertar os dentes que pode ser de forma consciente ou inconsciente e que pode acontecer tanto durante o dia ou durante o sono. Estatísticas mostram que 20% das crianças desenvolvem algum episódio de bruxismo durante a infância, sendo a maioria dos casos na faixa dos 5 anos quando a dentição da criança está completa.

O Bruxismo infantil é o 3º problema mais comum na saúde bucal infantil[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_column_text]

Causas do bruxismo infantil:

As causas podem ser desarmonia entre os dentes, mas também há relação com fatores sistêmicos, psicológicos e até mesmo hereditários.

Além disso, existem algumas doenças que podem aumentar as chances da criança desenvolver o bruxismo, entre eles, transtornos de déficit de atenção, hiperatividade e outras doenças neurais. A obstrução de vias aéreas superiores e síndrome de apneia obstrutiva do sono também podem causar o problema.

As duas principais causas para o bruxismo infantil são causas mecânicas e emocionais.

  • Fatores mecânicos: Ocorre durante o processo de troca dos dentes de leite pelos dentes permanentes. Essa mudança pode trazer um desequilíbrio da mandíbula devido à diferença de tamanho entre esses dentes. O bruxismo, portanto, seria uma tentativa temporária do organismo de reequilibrar essa estrutura buscando um novo ponto de equilíbrio.
  • Fatores emocionais: Como ocorre também em adultos, questões psicológicas e emocionais são também causas importantes que desencadeiam o bruxismo infantil. Fatores como estresse, agenda lotada de atividades, a chegada de um irmão, divórcio na família, escola nova, hiperatividade, entre outros. Nesse contexto, ranger os dentes é uma válvula de escape emocional para essas crianças.
  • Hábitos alimentares inadequados: Crianças que não mastigam alimentos consistentes e não usam a sua função mastigatória podem procurar suprir esta necessidade através do ranger dos dentes.
  • Fatores sistêmicos: Respiração bucal, deficiências nutricionais, distúrbios neurológicos (p. ex. autismo).
[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_column_text]

Sintomas do bruxismo infantil:

O desgaste, a fissura e a quebra dos dentes, são alguns sinais do bruxismo, porém esses sinais só aparecem quando a criança já está rangendo os dentes por um longo período. Desta forma, é importante ficar atento a algumas queixas que a criança possa manifestar ao acordar, como:

  • Dores de cabeça: O excesso de pressão sobre os dentes causa uma tensão nos músculos da cabeça que estão conectados aos músculos da mastigação, resultando em dores.
  • Zumbido nos ouvidos: Esse sintoma é um reflexo do organismo para equilibrar a pressão na cabeça causada pela tensão dos músculos maxilares.
  • Dores no rosto: Bochecha doendo é sinal de contrações constantes dessa parte da face, assim como a queixa de dores durante a mastigação.
  • Problemas articulares: Estalos e dores ao abrir a boca é sinal de disfunção da articulação temporomandibular.
  • Sensibilidade: O bruxismo causa um desgaste no esmalte dos dentes, o que os torna mais sensíveis a alimentos frios e quentes.

E para um diagnóstico precoce é muito importante a atenção e sensibilidade dos pais para perceber os primeiros sinais de bruxismo na criança. Conversar sobre a sua rotina é uma ótima maneira também de identificar algum conflito na escola ou em algum outro ambiente que ela frequenta e que possa estar causando ansiedade e tensão.[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_column_text]

Como tratar o bruxismo infantil?

O tratamento do bruxismo infantil muitas vezes envolver uma abordagem multiprofissional, especialmente se a causa estiver ligada a fatores emocionais.

O primeiro passo é procurar um dentista para que ele avalie os danos na arcada dentária e na musculatura bucal da criança, além de indicar o melhor tratamento para cada caso. O uso de uma placa protetora durante o sono é geralmente a providência mais comum para evitar os efeitos do bruxismo.

Se há uma mudança importante na rotina da criança, como troca de escola, ou uma questão familiar que possa ter causado uma instabilidade emocional, a consulta com um psicólogo deve ser avaliada. Esse profissional poderá ajudar a criança a aceitar as mudanças e lidar com o estresse que elas causam.

Como as articulações mandibulares dos pequenos ainda estão em formação, o bruxismo na infância pode causar ainda problemas fonoaudiólogos. Assim, um acompanhamento com o fonoaudiólogo também pode ser necessário para tratar o problema.

Enfim, cada caso é único e deverá ser analisado e tratado individualmente pelo dentista.[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_column_text]

Como evitar que o bruxismo infantil se agrave?

  • Diminuir os estímulos noturnos: Reduzir estímulos, como o uso de aparelhos eletrônicos, barulho e agitação, luzes acesas, televisão ou o uso de videogames e computadores. Próximo à hora de ir para a cama é a melhor forma de desacelerar o cérebro infantil, garantir uma boa noite de sono e, consequentemente, evitar o ranger e apertar dos dentes.
  • Ter cuidados com o uso de chupetas e mamadeiras: Hábitos prolongados de usar chupeta e mamadeira podem alterar a mordida da criança podendo criar interferências dentais e alterações musculares e ósseas.
  • Atenção com a rotina: Atualmente os pais enchem o dia da criança com diversas atividades, como aula de natação, futebol, balé, etc. É importante programar bem essa rotina de atividades das crianças, pois as crianças precisam de tempo para brincar.
[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_column_text]

Como previnir o bruxismo infantil?

É possível minimizar as chances da criança ter bruxismo através do acompanhamento periódico do odontopediatra, que estará atento aos possíveis sinais e sintomas.[/vc_column_text][vc_empty_space height=”30px”][vc_column_text]Veja também: Cuidados com os dentes de leite[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text el_class=”call-box”]

Venha cuidar da sua saúde bucal na Clínica Odontológica Bias Fortes.

Agende um horário conosco (31) 3292-7172 – Será um prazer atendê-lo.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]