Av. Bias Fortes, 247 - Lourdes - Belo Horizonte - MG - PLANTÃO 24h - Tel.: 31 3292.7172
Blog—Dúvidas Que Ainda Existem Sobre O Implante

Dúvidas Que Ainda Existem Sobre o Implante Dentário

O implante dentário substitui um ou mais dentes ausentes na boca, devolvendo a harmonia do sorriso.

O procedimento vai além da estética facial, proporcionando melhoria na autoestima e na mastigação, aperfeiçoando a dicção e prevenindo as doenças bucais causadas pela perda óssea da gengiva, devido à falta do dente.

Marque sua avaliação 📱 Whatsapp: (31) 9 9417 0017 ☎ Telefone fixo: (31) 3292-7172

Como é feito o implante?

O implante é feito pelo cirurgião dentista em um procedimento relativamente rápido, sem internação, apenas repouso e a preparação pré-implante. O cirurgião instala pinos e parafusos de titânio no osso da gengiva para colocar sobre eles as próteses em porcelana e zircônio. As próteses são moldadas para se adequar ao formato da boca, ficando em perfeita harmonia com o rosto.

O titânio é um material com facilidade de aceitação do organismo, garantindo, assim, o sucesso do procedimento.

O implante deve ser feito o mais próximo da perda dos dentes, pois a espessura e altura do osso podem mudar com o tempo, devido à reabsorção óssea. Se o osso enfraquecer e atrofiar será necessário uma cirurgia para fazer enxerto ósseo. 

Quem pode colocar implante dentário?

Qualquer pessoa pode, desde que o crescimento ósseo esteja finalizado, no caso de adolescentes. O procedimento somente é proibido para quem está  com inflamações e infecções na gengiva e com a saúde bucal debilitada. Nestes casos, a recomendação é tratar as doenças primeiro, antes de começar a implantação dos novos dentes.

As gestantes só podem receber implantes em casos emergenciais e, preferencialmente, no segundo trimestre da gravidez. 

No caso de pessoas hipertensas, o implante pode ocorrer após o acompanhamento com um profissional cardiologista. O médico precisa avaliar a pressão arterial que deve estar controlada, antes do procedimento. A recomendação para pessoas hipertensas é implantar em um ambiente hospitalar para garantir atendimento emergencial em caso de complicação.

POs diabéticos costumam se preocupar com o pós-operatório e a cicatrização da gengiva. Dificilmente, uma pessoa com doença crônica pode sofrer riscos de infecções e outras complicações, se os exames pré-operatórios foram feitos adequadamente e demonstrarem saúde.

Saiba mais acessando o vídeo sobre os mitos do implante dentário!

Depois da cirurgia é necessário repousar!

O repouso é necessário e costuma ser de 1 a 3 dias, dependendo de cada pessoa.  O prazo é mais longo para o caso de enxertos ósseos, podendo chegar a até 7 dias. O período varia de acordo com o tratamento e os cuidados para o pós-operatório.

Para manter um implante saudável, faça manutenção periódica

Depois de toda a recuperação e satisfação com o novo sorriso, as visitas periódicas ao dentista devem ser agendadas para manutenção, avaliação da prótese, pinos e a limpeza dos dentes. 

Vale lembrar que a limpeza deve ser feita, pelo menos, a cada seis meses, independentemente de ter implante. É uma maneira de prevenir doenças e manter a saúde bucal.

O convívio com o implante dentário é mais fácil e agradável do que se imagina. Diferentemente do que muitos pensam, os dentes não caem e não se quebram com facilidade. A prótese imita perfeitamente a dentição, por ser feita a partir da arcada dentária de cada pessoa.

Para preservar o implante, é imprescindível manter uma limpeza adequada. Escove os dentes, no mínimo, três vezes ao dia, ou após cada refeição. O uso do fio dental e enxaguante bucal são essenciais para a saúde da boca.

Cuide bem do implante dentário e terá um sorriso bonito e duradouro para a vida toda.

Faça um orçamento conosco: Ligue (31) 9 9417 0017 / Telefone fixo: (31) 3292-7172 Whatsapp: (31) 9 9417 0017

Chamar no WhatsApp
Precisa de ajuda?
Powered by