Av. Bias Fortes, 247 - Lourdes - Belo Horizonte - MG Tel.: 31 3292.7172
Matratou Sua Escova

5 vezes em que você maltratou sua escova de dente

Os cuidados com a saúde bucal previnem diversas doenças e ainda garantem a estética dos dentes. O correto uso e armazenamento da escova de dente são essenciais para uma eficiente higiene bucal.

Por isso, conheça  5 vezes em que você maltratou sua escova de dente:

Armazenamento

Um dos lugares mais contaminados da casa é, sem dúvida, a pia do banheiro. A recomendação é a escova ficar longe desse local, mas se a única forma de armazenamento for nessa área, é preferível guardar dentro de algum armário com portas.

Além disso, a escova deve conter uma capinha de proteção com furos para ventilação e permanecer posição vertical. As capas devem ser lavadas com enxaguante ou sabão diariamente.  

Vaso sanitário, o inimigo

A escova de dentes guardada próxima ao vaso sanitário é um risco, pois, quando a descarga é dada, coliformes fecais são lançados na atmosfera.

As bactérias facilmente “voam” até o objeto e se instalam nas cerdas e, posteriormente, entram em contato com a boca. Por isso, é importante manter a escova sempre com proteção.

Compartilhar? Só afeto!

Quem compartilha escova de dentes, corre o risco de adquirir alguma doença infecciosa, porque a principal função dela é, justamente, remover a placa bacteriana da boca.

O enxague não é suficiente para retirar todos os microrganismos do objeto. Ao usar a escova de dentes de outra pessoa, você provoca a chamada infecção cruzada, ou seja, contrai bactérias do usuário e transmite as suas.

Desapegar é preciso

É extremamente importante o desapego com a escova de dentes. A recomendação dos dentistas é trocar a cada três meses ou quando as cerdas apresentarem desgaste.

É comum as pessoas trocarem a escova, porque as cerdas estão danificadas, mas, o prazo de vida útil não deve ser confundido com o mau uso. Forçar os movimentos desgasta rapidamente as cerdas e provoca a retração da gengiva. O certo são movimentos curtos e sutis.

O que fazer antes?

Alguns passos são necessários antes mesmo da escovação, como lavar as mãos com sabão para manusear a escova. Já a escova deve ser lavada e enxaguada para eliminar resíduos e microrganismos do último uso.

Leia mais:

Enxaguante bucal, você não está fazendo isso da maneira correta

Como prevenir as doenças bucais mais comuns?

Quando devemos trocar a escova de dentes?

 

Conheça nossas redes sociais:

Instagram

Facebook